TRABALHE CONOSCO

TRADIÇÃO E PRODUTIVIDADE

GUERINO ALVES MARINHO

postado em 15 / 6 / 2021

     O produtor GUERINO A. MARINHO, proprietário da Fazenda Capão do Palmital, situada no Município de Papagaios, MG, conta com orgulho que é casado com Margarida da Silva, e que possui três filhos, Anísio Alves Marinho, Ataíde Alves Marinho e Evanir Alves Marinho.

      Guerino é associado da COOPEL há mais de dez anos. Seguindo os passos do pai, viveu desde a infância nas lidas das fazendas. GUERINO não consegue visualizar sua vida fora das atividades agropecuárias. É o que sempre fez, atualmente, emprega o que sabe na pecuária leiteira. É responsável pela marca de 1000l/dia de leite, prospectando chegar brevemente em 1500l/dia. Dispondo de 220 cabeças de gado, 90 destas produzindo. Todas as atividades se distribuem num espaço de 120 hectares. Além da organização do gado em seus ambientes planejados, existe também as lavouras para amenizar os custos com a alimentação e outras necessidades internas.

     Quase todos os insumos, que visam a produção do leite, são adquiridos na COOPEL, sob contrato. Destaca as boas referências ao tipo de contrato feito com a COOPERATIVA, o qual determinou sua permanência na produção do leite. Não fosse a colaboração da COOPERATIVA, sua produção estaria seriamente comprometida, em virtude dos autos preços dos insumos. Graças ao contrato com a COOPEL, o produtor chegou à marca de 20 a 30% de economia em seu custo de produção. Conforme a necessidade, GUERINO faz seus contratos anuais, direcionando em 2021 o fornecimento de ração, sobre a qual despeja os melhores elogios pela sua qualidade.

    Todo esforço na boa produção de leite é recompensado quando, em um lugar especial da sede da CAPÃO PALMITAL, o fazendeiro exibe seus inúmeros troféus conquistados nos torneios leiteiros anuais da região. Quanto ao atendimento da COOPEL, declara que a COOPEL sempre manteve sempre seu alto padrão, desde o início da relação.

     De forma educada, GUERINO faz seus agradecimentos e registra a grande contribuição de sua fazenda para a sociedade. Mesmo com a crise presente, e graças ao apoio da COOPEL, as fazendas da região veem “fichando” cada vez mais funcionários nos últimos tempos e melhorando a qualidade de seus produtos. “O agronegócio merece reconhecimento e precisa de uma maior atenção por parte dos órgãos do governo em toda a sua abrangência”, reforça o produtor.


veja também

COMPETENTE E MOTIVADA

16 de Outubro 2021

          TAIANA é casada e tem uma filha de onze anos, a Sofia. Nos conta que: “Ingressei na COOPEL há um ano e quatro meses exercendo a função de caixa. Dois meses depois, recebi a oportunidade de colaborar como assistente administrativo do supermercado, onde estou até hoje”. Mais exatamente, atua na codificação das notas fiscais, após recebê-las do estoquista, em seguida, faz os pedidos, os quais são encaminhados para o setor de compras para a separação da mercadoria. Após a passagem das notas pela conferência dos fiscais a mercadoria está pronta para seguir seu destino.

         “Com certeza, as mudanças que ocorreram desde que iniciei minha função aqui no supermercado foram inúmeras, tanto na adição de novos produtos às prateleiras, como no aspecto da evolução profissional dos funcionários. Com isso, a clientela aumenta sucessivamente enquanto se busca a melhor qualidade de atendimento”, esclarece TAIANA. “Nossa mais recente novidade foi a inauguração da padaria, com produtos ótimos e deliciosos”, prossegue nossa colaboradora, “temos praticamente todos os produtos que são vendidos nos outros supermercados, inclusive carnes”.

        Espontaneamente, TAIANA se antecipa ao questionário de nossa equipe e revela a sua satisfação em trabalhar ao lado dos colegas colaboradores da COOPEL, que para ela significam uma grande família.

        Por que trabalhar na COOPEL? A esta questão, nossa colaboradora fala com entusiasmo: “É um trem inenarrável! É uma das melhores empresas que já trabalhei. Dá oportunidade para os funcionários crescerem, não só como profissionais, mas como pessoas, oferecendo cursos e treinamentos. É difícil ver uma empresa que valoriza e se preocupa com seus funcionários como a COOPEL”.

          Seguindo os estímulos positivos de seu cotidiano, TAIANA graduou-se em Administração Pública e brevemente concluirá o curso de Gestão Comercial. Projeta para o futuro muitos sonhos de conquista ainda na Cooperativa. Indicaria a todos, com segurança, a busca de uma vaga entre seus companheiros de trabalho. Vê com seriedade a importância da cooperativa para nossa cidade: “Sem a cooperativa, Pompéu deixaria de empregar pessoas, de apoiar seus produtores, de oferecer seus fármacos, insumos para as atividades agropecuárias, serviços, modas, combustível e os produtos de nosso supermercado”.

           No seu descanso de final de semana, junta-se aos seus incentivadores e aos orgulhosos familiares por suas realizações. “Sou livromaníaca (bibliófila) e adoro comprar livros”, confessa descontraidamente.

         Nossa colaboradora em destaque, finaliza: “Quero agradecer a todos os colegas, a minha equipe, que me orienta, e aos diretores que conduzem sua gestão visualizando o crescimento dos seus funcionários e a conquista contínua de novos clientes.

CONSTRUINDO UM SONHO

16 de Outubro 2021

         “A minha história é comprida demais”, inicia sua fala nosso produtor do mês, driblando seus repentes de timidez, a qual vai sendo vencida por sua simplicidade. CHARLES é casado com a senhora Claudiana e tem um filho, Otávio. É proprietário da fazenda Saco da Mãe D’Água, onde produz 680l/dia de leite, num espaço de 20Ha, num plantel de 115animais, sendo 80% nelore e 20% holandês.

             “Não temos touro, tudo é inseminação artificial”. A reprodução do gado de CHARLES obedece aos protocolos da inseminação artificial e recebe assistência da COOPEL.

           “Desde pequeno, sonhava em adquirir uma propriedade rural para produzir alguma coisa”, nos relata CHARLES, “trabalhei, trabalhei, me casei. Continuei buscando minha meta, juntamente com a esposa, continuamente, sem férias, fui economizando, até conseguir adquirir este espaço, que ainda levou seis anos para ser ativado por falta de recursos suficientes. Com muito esforço, e alguma ajuda externa, iniciamos nossas atividades. Antes, trabalhava para os outros, agora, junto com a esposa, completamos dois anos de atividades aqui na nossa propriedade. Nos tornamos filiados da COOPEL logo no início, a qual nos deu todo o apoio de que necessitávamos. As coisas vão dando certo nesses últimos dois anos que somos cooperados. Somos 100% COOPEL. Tudo o que adquirimos para rodar nosso trabalho vem da Cooperativa: remédios, ração, assistência técnica, combustível, itens de supermercados...”.  CHARLES enfatiza a atenção dispensada pelos serviços prestados pela Cooperativa, sempre disponível e pontual, e dos contratos feitos para aquisição de rações. “Hoje, tenho contrato de polpa cítrica, ração 20AP e 20 da Comigo”. Com ilustração bem-humorada, o produtor afirma: “Não fossem esses contratos, seria difícil andar em cima das pernas”.

            Sobre projeções futuras o produtor confirma que: “O pequeno produtor tem que pensar em crescer, não pode ficar parado no tempo”. Enfrentar com ânimo a realização de suas metas até atingir um ponto em que seja capaz de manter seu conforto e não pensar somente no trabalho é o que podemos observar na boa disposição de CHARLES. Reconhece, pela experiência em outras fazendas onde trabalhou, a importância da COOPEL para a região de Pompéu, tanto na vida do produtor rural, quanto na geração de empregos diretos e indiretos.

         Ao cogitarmos sobre nossa diretoria, comenta com segurança: “Não tenho nada a reclamar da diretoria anterior nem da atual, se a cooperativa está sempre crescendo é porque são boas”. Recomenda que o impulso se mantenha e que a empresa evolua sempre.

            “A Cooperativa e os produtores têm que ser parceiros! Só tenho a agradecer. No mais, a gente tem que ter fé. Deus na frente e nós atrás!”

 

DISPOSIÇÃO E PROATIVIDADE

17 de Setembro 2021

            RAQUEL APARECIDA GALVÃO, de 32 anos, casada há doze anos, tem um filho, Édero, de sete anos. Iniciou como colaboradora da COOPEL há três anos. Trazendo a experiência de uma grande empresa onde trabalhou, não encontrou dificuldades ao fazer seus primeiros contatos com o novo grupo de colaboradores. “É com muito orgulho e prazer que me sinto parte dessa equipe maravilhosa.” Prestou seus primeiros serviços no posto de combustível durante três meses. Em seguida, passou a compor o grupo da COOPEL Modas. “Hoje estou exercendo minha função junto aos meninos da seção de materiais de construção.” Muito satisfeita, declara com emoção: “A COOPEL é uma empresa muito bacana de se trabalhar. Toda vida tive vontade de ingressar nessa equipe maravilhosa”. Observou-se que, desde seu ingresso na Cooperativa, várias mudanças ocorreram. A movimentação dos colaboradores, as transformações físicas dos ambientes e sistemas de controle, denunciavam melhorias e ampliação dos serviços. Percebeu que também participava dessa corrente positiva. “Ao falar disso, as emoções ficam tão fortes que estou numa suadeira que vocês não têm noção”, foi a maneira simples, alegre e carinhosa que RAQUEL encontrou para demonstrar o quanto é grata e como é feliz ocupando um espaço na empresa que considera ter lhe oferecido uma grande oportunidade. “O resultado dessas mudanças podemos constatar no aumento da clientela e da evolução nas condições profissionais dos colaboradores”, acrescenta. Sobre as ofertas de crescimento profissional, nos diz: “A COOPEL nos proporciona bolsas de estudo e nos incentiva a buscar aperfeiçoamentos técnicos.”

            Nesse espaço de tempo em que está na empresa, RAQUEL pôde notar o que representa a COOPEL para o município. Nas suas impressões, ressalta que: “A cooperativa participa das ações sociais de Pompéu com doações e ajuda em diversas necessidades. Não vejo uma Pompéu sem a Cooperativa, a qual emprega muito e promove o desenvolvimento em vários setores dos negócios agropecuários e sociais.”

            Ao descrever suas atividades no seu tempo livre, fala com objetividade: “Meu tempo livre é a família, que é meu alicerce. Gosto também de estar na fazenda, contemplar o desenvolvimento da agricultura.”

           Recomenda aos jovens o ingresso como aprendizes na COOPEL, que julga uma chance importante, com as melhores perspectivas para o futuro.

           Fazendo de si mesma um exemplo para todos, deixa seu registro de esforço e perseverança: “Sou estudante do sexto período de administração e pretendo crescer com a empresa.”

          Pelos setores por onde passou até o momento, RAQUEL registra as boas relações de apoio e carinho que recebeu. “Agradeço a todos, desde as meninas da limpeza até os meninos que trabalham no campo e também à diretoria que se faz muito atenciosa com seus colaboradores.”